É sempre um prazer vê-lo visitando o site da Blogolândia - a maior rede de Blogs de Conteúdo do Brasil. Quer conversar conosco?
a
55-41-2105-5913

blogolandiabrasil@gmail.com

Av. Cândido de Abreu 776 SL 803 - Curitiba/PR

Convidamos você a visitar as nossas Redes Sociais. Siga em frente!
Topo

Tendências de Marketing 2021 serão derivadas da pandemia da Covid-19

No período de isolamento considerado mais severo, muitas empresas e consumidores adotaram diversas estratégias para seguir com os seus planos de vendas e consumos, respectivamente.

Muitos consumidores estiveram atentos aos comportamentos das organizações diante do cenário vivenciado, bem como também se renderam às tecnologias na hora de comprar os seus produtos. Grande resultado disso foi o aumento significativo das vendas online.

Muitas empresas sofreram diversos impactos nos últimos meses, e precisaram repensar estratégias de marketing para entrar em 2021 com perspectivas de reestruturação. Pensando nisso, a Deloitte, que é uma empresa americana de serviços na área de auditoria e consultoria, realizou um estudo global, denominado de “2021 Global Marketing Trends: Find your focus”.

A pesquisa contou com a participação de consumidores e empresários. O principal objetivo foi buscar entender as mudanças de hábitos que a pandemia causou nos consumidores, como também buscar entender quais foram as estratégias adotadas por esses executivos nas empresas.

Os resultados da pesquisa apontaram que a cada cinco consumidores, quatro conseguiram citar uma marca que respondeu de forma positiva a pandemia, o que resultou no aumento de confiança por parte dos consumidores com a marca.

Em contrapartida, cerca de 25% dos consumidores que perceberam movimentos de determinadas empresas apenas a seu favor durante a pandemia, deixaram de consumir os seus produtos. Ao passo que, 63% afirmam que irão continuar com o uso da tecnologia daqui pra frente. Por fim, mais de 50% dos participantes conseguiram lembrar de alguma marca que direcionou seus negócios, visando formas positivas de atender aos seus clientes. Nesse sentido, a Deloitte apontou algumas tendências de marketing que estão sendo adotadas para o ano de 2021.

A primeira tendência encontrada foi a agilidade. Trata-se do momento ideal para os executivos investirem nesse item, utilizando os recursos tecnológicos que resultaram em otimização do trabalho e entrega de serviços. O estudo apontou que cerca de 66% dos participantes responderam positivamente quanto ao apreço pela tecnologia.

Outro item são as experiências humanas, já que 2020 foi um ano atípico e a maioria dos negócios foram realizados de forma virtual. É importante as empresas adotarem estratégias que visem o investimento no relacionamento interpessoal, já para 2021.

A confiança também é um outro fator que foi muito visto nesse ano, por isso é importante que as marcas se atentem a olhar em como os consumidores valorizam as coisas. Também é importante cumprir as promessas feitas. Os posicionamentos das empresas durante a pandemia resultaram em maiores ou menores índices de confiança.

A participação foi outra tendência encontrada, em que 64% dos executivos mudaram as formas de engajamento com os consumidores. Isso se deve ao fato, principalmente, da maior oferta de participação dos clientes na empresa, sendo embaixadores, influenciadores e o mais importante que são seus próprios colaboradores.

A fusão entre empresas parece ter ganhando mais adeptos. As empresas perceberam que o aumento das parcerias entre marcas favoreceu melhores experiências com os seus clientes. Desse modo, foi possível o desenvolvimento de maior nível de inovação.

Por fim, apareceu o item talento. Muitos executivos sinalizaram que a área de marketing e vendas ganhou grandes proporções, principalmente nesse cenário, e, portanto, entrará 2021 com tudo. Nesse sentido, o talento alcançará ainda maior valorização dentro das empresas e será um dos principais diferenciais competitivos no mercado. Por isso, acredita-se que não será rara a oferta de programas de estágios e trainee no ano que vem, justamente na busca por jovens profissionais talentosos.

Valdeilma Freitas

Compartilhe: